Padrasto estupra enteada em Uberaba e diz que queria saber se ela era virgem


Padrasto estupra enteada em Uberaba e diz que queria saber se ela era virgem

Uma adolescente de 15 anos foi estuprada pelo padrasto que justificou o ato dizendo que queria saber se ela era virgem. De acordo com a Polícia Militar, a vítima de Uberaba, no Triângulo Mineiro, contou que o suspeito usou uma faca para ameaçá-la. Ela ficou ferida no braço. 


A menina  estava em seu quarto com o irmão de oito anos quando o suspeito chegou ao local e a chamou para ver se um celular estava tocando em outro cômodo da casa.


Com medo, a adolescente não quis ir, mas o suspeito mostrou uma faca e a obrigou a sair do quarto. Quando chegou ao outro cômodo, o suspeito tentou tirar o short da enteada, que reagiu e foi ferida no braço. 


Ela disse que o autor rasgou sua roupa e consumou o estupro e depois ele disse que queria saber se ela virgem porque ouviu de pessoas na rua que ela "não era moça", expressão utilizada para dizer que a mulher não é virgem. 


O crime aconteceu durante a madrugada desta sexta-feira (13). A adolescente tentou chamar pela mãe, mas a mulher não ouviu. A menina contou que a mãe faz uso de remédio controlado e não acorda com facilidade. 


Pela manhã, a vítima foi para a escola e quando retornou resolveu contar para a mãe o que tinha acontecido. A mulher está grávida e passou mal.


O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi chamado e, durante o atendimento a grávida, os socorridos souberam do estupro e acionaram a Polícia Militar. 


Suspeito diz que bebeu e não lembra de nada 


O suspeito foi encontrado na casa e disse que ingeriu bebida alcoólica na noite desta quinta-feira (12), e se lembra de ter pego uma faca. Porém, segundo ele, não se lembra de ter estuprado a enteada.  Ele foi levado para Delegacia de Polícia Civil de Uberaba. 


Mãe e filha foram socorridas para um hospital da cidade e passam por exames. 

AJUDE A ENCONTRAR

Rede do Bem - Ajude a encontrar pessoas desaparecidas - 14/10/2019

Uma simples atitude sua pode ajudar a salvar vidas. Estas pessoas estão desaparecidas e as famílias desesperadas em busca de informações. Vamos ajudar a encontra-las 🙏🙏🙏

Posted by Rogério Anício on Monday, October 14, 2019