MPF denuncia Roberto Jefferson por tentativa de homicídios contra policiais federais

MPF denuncia Roberto Jefferson por tentativa de homicídios contra policiais federais

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou nesta quarta-feira, 7, o ex-deputado Roberto Jefferson por tentativa de homicídios contra quatro policiais federais, resistência qualificada, posse de arma de fogo e munição de uso restrito e permitido, além de posse e adulteração de granadas.


Em 23 de outubro, os agentes da Polícia Federal (PF) foram cumprir mandado de prisão no endereço do ex-parlamentar, no Rio de Janeiro, quando Roberto Jefferson os recebeu com disparos de fuzil e explosivos. Os disparos deixaram dois agentes feridos.


Três dias depois do caso, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF),  converteu de flagrante para preventiva a prisão do ex-deputado.