Corpo de mulher morta por ex-companheiro em MG é enterrado em Formiga, MG


Corpo de mulher morta por ex-companheiro em MG é enterrado em Formiga, MG

O corpo da esteticista Milena da Silva Pereira Siqueira, de 37 anos, foi enterrado na tarde desta sexta-feira (11) no Cemitério Parque da Saudade, em Formiga.


Ela foi morta a tiros na noite desta quinta-feira (10) pelo ex-companheiro, Emerson Modesto de Faria, de 45 anos, que ainda feriu a filha da mulher, de 17 anos, e se matou em seguida. Parentes e amigos acompanharam o velório e o sepultamento.


Milena deixou cinco filhos- o mais novo tem sete anos de idade. A filha de 17 anos, ferida na mão e no peito, passou por cirurgia no Hospital São João de Deus (HSJD). O estado de saúde é considerado grave e a adolescente encontrava-se internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) até esta publicação.


Crime


Segundo a Polícia Militar (PM), Milena e a filha de 17 anos chegavam em casa, no Bairro Recanto da Praia, por volta das 20h desta quinta-feira, quando foram abordadas por Emerson, que teria mandado as duas entrarem no carro em que ele estava.


Diante da negativa, o homem atirou contra as duas. A Polícia Civil apurou que a mulher foi atingida primeiro, levando dois tiros no peito. Depois, a adolescente se tornou o alvo. Após cometer o crime, tratado como feminicídio, Emerson atirou contra a própria cabeça.


Dentro do carro do autor, a PM encontrou remédios que seriam para depressão, cordas, um facão e munição. O revólver usado no crime foi encontrado ao lado do corpo do homem e a polícia apura a origem da arma, uma vez que Emerson não tinha posse nem porte da mesma.


Investigação


As investigações apontam que Emerson era casado quando manteve um relacionamento com Milena. Ela teria terminado a relação há dois anos, quando descobriu o caso, mas testemunhas dizem que o homem não aceitou a separação. "Pelo que eu sei, ele já vinha fazendo ameaças desde que ela terminou o relacionamento com ele. Ele sempre a ameaçada, não aceitava que ela se aproximasse de outros homens, que frequentasse uma academia, ele perseguia mesmo, ficava atrás dela o tempo todo, cercava a casa dela", conta amiga da vítima, Tatiane Castro.

DESAPARECIDOS MG

Rede do Bem - 17 de junho de 2019

Sua atitude pode salvar vidas. Hoje estamos trazendo mais 4 pessoas que se encontram desaparecidas em Minas Gerais neste exato momento. Caso reconheça alguma delas por favor faça contato com uma autoridade policial de sua cidade. #pessoasdesaparecidas #desaparecidosMG

Posted by Rogério Anício on Monday, June 17, 2019