Boris Casoy sobre crise da água: "Deus proteja a população do Rio de Janeiro"



O governador do Rio de Janeiro determinou o afastamento do diretor de saneamento da Companhia Estadual de Águas e Esgotos, a CEDAE. Três funcionários da empresa também prestaram depoimento à polícia.

"Na entrevista do presidente da Cedae, após dizer que a água era potável presidente da empresa foi desafiado a beber um copo daquela água. Ele, que nem é bobo, e muito mesmo suicida, negou-se a beber. Deus proteja a população do Rio de Janeiro", disse Boris Casoy no RedeTV News desta sexta-feira (17).

#RedeTVNews