Alexandre Frota é nomeado para atuar na transição na área da cultura e é um dos cotados para trabalhar no Ministério

Alexandre Frota é nomeado para atuar na transição na área da cultura e é um dos cotados para trabalhar no Ministério

O deputado federal Alexandre Frota (PROS-SP) foi um dos parlamentares nomeados, nesta terça-feira (22), para compor o grupo de Cultura da equipe de transição do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT).


Ao lado dele, estarão deputados ligado à esquerda, como Benedita da Silva (PT-RJ), Jandira Feghali (PCdoB-RJ), Túlio Gadelha (Rede-PE), além de Marcelo Calero (PSD-RJ), que foi ministro da Cultura em 2016, no governo Michel Temer.


Aliado próximo do presidente Jair Bolsonaro em 2018, Frota se afastou do atual governo e passou a fazer oposição. Nas eleições de 2022, anunciou apoio à candidatura de Lula. O ex ator pornô não conseguiu se eleger deputado estadual por São Paulo nesta eleição.


Nesta terça, o vice-presidente eleito Geraldo Alckmin (PSB) anunciou os nomes de parlamentares eleitos e em exercício que irão compor os grupos de trabalho da transição. Entre eles, também estão os petistas Jaques Wagner, José Guimarães, Lindbergh Farias e Reginaldo Lopes, que estarão no grupo de “centro de governo”, e Zeca Dirceu, filho do ex-ministro José Dirceu, que estará no grupo de Cultura.


Os parlamentares deverão, de acordo com Alckmin, auxiliar na relação com o Poder Legislativo e com propostas que tramitam na Câmara e no Senado, como o Orçamento de 2023.


Share Whatsapp


2022-11-22 11:51 pm Brasil 2124 0 0