Ex-ministro Bento Albuquerque presta depoimento à PF sobre joias recebidas pela comitiva brasileira na Arábia Saudita

Ex-ministro Bento Albuquerque presta depoimento à PF sobre joias recebidas pela comitiva brasileira na Arábia Saudita

O ex-ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, prestará depoimento à Polícia Federal nesta terça-feira (14) por videoconferência. Ele foi intimado a depor no inquérito que investiga o caso das joias recebidas pela comitiva brasileira na Arábia Saudita. A investigação está a cargo da Superintendência da PF em São Paulo e também é apurada pelo Ministério Público Federal.


Segundo informações, Bento Albuquerque reafirmará que não tinha conhecimento do conteúdo dos estojos dados pelos sauditas ao Estado Brasileiro. Sua defesa utilizará gravações que mostram a chegada do ex-ministro ao Aeroporto de Guarulhos, além de imagens das câmeras de segurança solicitadas à Receita Federal, que registraram o momento em que o material é apreendido. Os advogados sustentam que Albuquerque não tentou intimidar os servidores da Receita que retiveram um dos estojos.


O caso das joias recebidas pela comitiva brasileira na Arábia Saudita gerou polêmica quando o presidente Jair Bolsonaro afirmou que as peças teriam sido doadas para o país e que seriam destinadas ao patrimônio público. No entanto, a Receita Federal apreendeu uma das caixas com as joias no Aeroporto de Guarulhos, alegando que o valor não foi declarado e que a importação não teria sido feita de acordo com as normas legais.

Participe da nossa enquete

Na sua opinião quem é o culpado pela dívida bilionária que quebrou o estado de Minas Gerais?
Resultados