Trio é preso por ocultar morte por overdose em clínica de reabilitação em Unaí, MG

Trio é preso por ocultar morte por overdose em clínica de reabilitação em Unaí, MG

Um homem e duas mulheres, com idades entre 25 e 48, foram presos por ocultar uma morte por overdose de medicamentos em uma clínica de reabilitação em Unaí, na região Noroeste de Minas, nessa terça-feira (20 de fevereiro).


A investigação descobriu que a morte ocorreu em fevereiro do ano passado, mas as forças de segurança não foram informadas, e o corpo não foi encaminhado ao Posto Médico Legal para a realização do exame de necropsia. 


De acordo com a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), a vítima, que estava internada na clínica de reabilitação, teria morrido após diversos medicamentos de tarja preta serem ministrados indevidamente em curto espaço de tempo. Por levantamentos policiais, os investigadores concluíram que o trio teria tentado ocultar o ocorrido.


Após meses de investigação e coleta de elementos de prova, a PCMG representou pelas prisões preventivas dos investigados, cumpridas ontem. O nome da operação, Homize, faz menção ao substantivo homizio, “que é o ato de esconder alguém ou algo à ação da Justiça”, explicou a polícia.

Plano 5G por R$ 57,99/mês Ver Plano