Choquei volta a se pronunciar sobre morte de Jéssica Vitória e admite fake news

Choquei volta a se pronunciar sobre morte de Jéssica Vitória e admite fake news

A Choquei, página de fofoca que compartilha notícias sobre famosos nas redes sociais, admitiu na tarde desta quinta-feira (28) ter replicado um conteúdo falso sobre um suposto affair entre Jessica Canedo e Whindersson Nunes.


No sábado (23), a página de fofoca se eximiu de culpa pela tragédia envolvendo a jovem e apelou para a liberdade de expressão e o direito à informação.



A estudante se suicidou após a página de fofoca divulgar que ela estava se relacionando com Whindersson.


No entanto, a “notícia” do Choquei era fake, segundo Jessica e Whindersson afirmaram, em resposta ao perfil.


Desde a morte de Jessica, Raphael Sousa, um dos Adms da Choquei, foi acusado por internautas de debochar do desabafo da jovem sobre o tema.


Depois que ela publicou stories relatando que tinha depressão e que tudo era mentira, ele teria comentado: “Avisa para ela que a redação do Enem já passou. Pelo amor de Deus”. 


CONFIRA A NOTA COMPLETA DA CHOQUEI SOBRE A MORTE DE JÉSSICA:


“O perfil Choquei lamenta profundamente o ocorrido com Jéssica Vitória Canedo e se solidariza com sua família. Informamos aos seguidores que, em sinal de respeito pelo trágico acontecimento, as redes da Choquei estavam paralisadas até este momento.


Nesta quinta-feira, dia 28 de dezembro, o proprietário do perfil Choquei prestou esclarecimentos à Polícia Civil de Minas Gerais e apresentou fatos e documentos que contribuem para elucidar o episódio e dar a real dimensão do papel da Choquei no caso.


Foram fornecidas provas sobre o fato gerador da notícia falsa – que foi publicada originalmente por um outro perfil e republicada posteriormente pela Choquei – e foram disponibilizadas imagens de diálogos que mostram os procedimentos adotados assim que a falsidade foi descoberta, como a retirada imediata do conteúdo falso republicado.


Neste momento, a Choquei passa por um profundo processo de reavaliação interna dos métodos adotados, visando a implementação de filtros e códigos de conduta para evitar que episódios dessa natureza voltem a acontecer.


A Choquei está à disposição para contribuir com os órgãos de investigação, assim como colaborar para o aprimoramento do setor de notícias online”.


Siga o Instagram do Portal Minas SEGUIR

Em Destaque