Londrina é campeão invicto e amplia martírio do Atlético

Londrina é campeão invicto e amplia martírio do Atlético

Após eliminar o campeão da Copa do Brasil, Cruzeiro, nas semifinais e bater o Atlético-MG na final, o Londrina conquistou, na noite desta quarta-feira, no Estádio do Café, o título da Primeira Liga. A equipe chegou à taça sem perder nenhum duelo e levanta o troféu após bater o time alvinegro de Minas Gerais nos pênaltis, 4 a 2, após um movimentado 0 a 0 no tempo normal.

Eliminado da Libertadores nas oitavas de final, da Copa do Brasil nas quartas, e na incômoda nona colocação do Brasileiro (mais próximo da zona de rebaixamento do que do G-6 em pontos), um dos elencos mais caros do Brasil perde assim outra chance de levantar um título em 2017 - no ano, conquistou apenas o Mineiro no início da temporada.

Embora fosse um time de divisão inferior, o Londrina foi um duro adversário. A equipe foi superior durante toda a etapa inicial e, no fim das contas, as principais chances com bola rolando foram da equipe da casa. Ao Galo, restou melhorar na etapa final e ter alguns bons momentos durante o duelo.

O Atlético volta a campo na quarta-feira (11), no Independência, contra o São Paulo, pelo Brasileirão. O Londrina joga no sábado, contra o Criciúma, no Heriberto Hulse, às 16h30 (de Brasília), pela Série B.


LONDRINA 0 (4) X (2) 0 ATLÉTICO

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR) 
Data: 4 de outubro de 2017, quarta-feira 
Horário: 21h45 (de Brasília) 
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC) 
Assistentes: Carlos Berckenbrok (SC) e Rafael da Silva Alves (RS)

Cartões: Ayrton, Jardel, Negueba (Londrina); Adilson (Atlético)

LONDRINA: César; Lucas Ramon, Dirceu, Edson Silva e Ayrton; Romulo (Marcinho), Jumar e Jardel; Artur, Carlos Henrique (Safira) e Negueba 
Técnico: Cláudio Tencati

ATLÉTICO-MG: Victor, Alex Silva, Gabriel, Felipe Santana, Fábio Santos, Adilson, Elias, Cazares (Marlone), Robinho, Valdívia (Clayton), Fred (Rafael Moura). 
Técnico: Oswaldo Oliveira


Curta a página do Portal Minas no Facebook