Corpo de Bombeiros encontra idoso desaparecido na Serra do Cipó

Corpo de Bombeiros encontra idoso desaparecido na Serra do Cipó

Corpo de Bombeiros encontra idoso desaparecido na Serra do Cipó


O Corpo de Bombeiros encontrou por volta das 16h, Francisco Bernard de  67 anos que estava desaparecido desde a noite de sábado (09), na Serra do Cipó. Segundo informações preliminares dos Bombeiros, ele foi encontrado através das buscas do helicóptero Arcanjo e está passando bem, sem ferimentos. Ainda de acordo com bombeiros, Bernard tem 40 anos de experiência em montanhismo e foi encontrado com mais duas pessoas de sua equipe que estava à procura dele. 


Ainda não há informações das causas do sumiço. 


O caso.


Um idoso de 67 anos desapareceu no Parque Nacional da Serra do Cipó, na região Metropolitana de Belo Horizonte, na noite de sábado (09). Equipes em terra e de helicóptero do Corpo de Bombeiros estão empenhadas fazendo buscas no local.


Segundo os Bombeiros, a vítima estava fazendo trilha com mais quatro pessoas na Cachoeira das Braúnas. Segundo o comandante do Batalhão de Emergências Ambientais e Resposta a Desastres, major Anderson Passos, o grupo percebeu ao final da caminhada que o idoso havia ficado para trás. A região é muito frequentada para passeios e trilhas.


De acordo com o major, é preciso caminhar por seis horas até a chegada da cachoeira das Braúnas que fica na região dos Currais. Brigadistas da reserva natural ajudam no trabalho de buscas e, ainda de acordo com major Passos, as causas do sumiço estão sendo apuradas. "As informações ainda estão bem desencontradas", disse.


A preocupação é que o idoso seja encontrado antes do anoitecer. "Ele pode estar ferido, além de estar num ambiente de difícil acesso e frio à noite, podem agravar o estado de saúde dele. Nesses casos, o tempo do resgate faz muita diferença. Por isso, estamos fazendo trabalho também com uso do helicóptero e tentando ampliar as informações para que as buscas sejam melhor direcionadas”, afirmou o major.


Por meio de nota, os bombeiros informaram que toda ocorrência de pessoa perdida é tratada como emergência em razão do risco à vida.


Curta a página do Portal Minas no Facebook