Vacina para a Covid-19: Pfizer quer aprovação emergencial dos EUA em novembro


Vacina para a Covid-19: Pfizer quer aprovação emergencial dos EUA em novembro

A Pfizer, uma das gigantes farmacêuticas do planeta, afirmou nesta sexta-feira (16) que pretende solicitar aprovação para o uso emergencial nos Estados Unidos de sua vacina para o novo coronavírus (Covid-19). Desenvolvida em parceria com a alemã BioNTech SE, a empresa pretende que, com o apelo, o marco de segurança seja alcançado até a terceira semana de novembro.


Outrora, a agência reguladora norte-americana, a FDA, informou que é necessário ao menos dois meses de dados de segurança antes de autorizar o uso emergencial de qualquer imunizante.


Como a vacina está na terceira fase de testes e tem um ritmo acelerado de desenvolvimento, a gigante farmacêutica tem esperança de que esse protocolo seja estabelecido pouco além do início da segunda quinzena do mês.


Antes, a Pfizer esperava dados de testes em estágio final em outubro.