Triângulo Mineiro recebe 8 novas praças de pedágio com tarifa de R$ 12,70

Triângulo Mineiro recebe 8 novas praças de pedágio com tarifa de R$ 12,70

Desde o dia 12 de outubro, o Triângulo Mineiro testemunha a implementação de oito novas praças de pedágio, que funcionam no formato de operação assistida para informar e preparar os usuários para o início da cobrança, prevista para o dia 22 deste mês. A tarifa a ser cobrada dos motoristas que trafegarem na região será de R$ 12,70.


A iniciativa é da EPR Triângulo, uma empresa especializada em gestão de rodovias que assumiu a administração de nove rodovias na região em 24 de fevereiro deste ano. A concessionária é responsável por 627,4 quilômetros de pista que abrangem 16 municípios no Triângulo Mineiro.


Aqui estão os locais onde as praças de pedágio foram instaladas:


1. Praça de pedágio 01 (PP01) na MGC-452 – Km 186,4 – Uberaba
2. Praça de pedágio 02 (PP02) na BR-452 – Km 260,30 – Perdizes
3. Praça de pedágio 03 (PP03) na BR-365 – Km 515,25 – Monte Carmelo
4. Praça de pedágio 04 (PP04) na BR-365 – Km 589,10 – Indianópolis
5. Praça de pedágio 05 (PP05) na MGC-462 – Km 34,15 – Patrocínio
6. Praça de pedágio 06 (PP06) na LMG-798 – Km 6,80 – Nova Ponte
7. Praça de pedágio 07 (PP07) na MG-190 – Km 75,50 – Nova Ponte
8. Praça de pedágio 08 (PP08) na MG-427 – Km 15 – Água Comprida


A EPR Triângulo também oferecerá um Desconto de Usuário Frequente (DUF) para motoristas que passam regularmente pelo pedágio e possuem tags de cobrança automática em seus veículos. O DUF inclui descontos progressivos a partir da segunda passagem pela mesma praça e no mesmo sentido. O ciclo de descontos abrange até a 30ª passagem em um mês, reiniciando no período subsequente.


Além das praças de pedágio, a concessionária disponibilizará seis novas bases de serviços operacionais para atendimento pré-hospitalar, socorro mecânico e outros serviços, funcionando 24 horas por dia. Essas bases contarão com ambulâncias, guinchos, viaturas de inspeção, veículos de combate a incêndio e um centro de controle operacional.


O diretor-executivo da EPR, Marcelo Bevilaqua, enfatizou que a equipe do centro de controle operacional (CCO) será responsável por acionar recursos de suporte em emergências e atendimento médico ou socorro mecânico, além de manter os usuários informados sobre as condições de trânsito nas rodovias.


A concessionária também fornecerá cobertura 4G em toda a extensão das nove rodovias que fazem parte da concessão.


As rodovias sob concessão da EPR Triângulo incluem trechos das BR-452, BR-365, MG-190, MG-427, MGC-452, MGC-462, LMG-782, LMG-798 e LMG-812, abrangendo importantes ligações no Triângulo Mineiro.


Continue acompanhando as atualizações para obter mais informações sobre as tarifas, descontos e serviços oferecidos pela EPR Triângulo.

Participe da nossa enquete

Na sua opinião quem é o culpado pela dívida bilionária que quebrou o estado de Minas Gerais?
Resultados