Saiba quem são mãe e filho suspeitos de matar idosos durante confraternização

Saiba quem são mãe e filho suspeitos de matar idosos durante confraternização

Mãe e filho suspeitos de matar idosos durante confraternização em MT


A pecuarista Inês Gemilaki, 48 anos, e seu filho, o médico Bruno Gemilaki Dal Poz, 28, são suspeitos de invadir uma residência em Peixoto de Azevedo, no Norte do Mato Grosso, e executar um casal de idosos durante uma confraternização no último domingo (21).


As vítimas foram identificadas como Pilson Pereira da Silva, 80 anos, e Rui Luiz Bolgo, 68, enquanto o padre da cidade também foi ferido e permanece hospitalizado.


Além de Inês e Bruno, o companheiro de Inês, Marcio Ferreira Gonçalves, também teria participado do crime e está foragido.


O crime teria ocorrido após um desentendimento relacionado a uma dívida referente a um imóvel. As autoridades estão em busca dos suspeitos.


Bruno Gemilaki Dal Poz é formado em medicina e já trabalhou como clínico geral em Peixoto de Andrade e em São José dos Campos, interior de São Paulo. Ele possui inscrição no Conselho Federal de Medicina, mas sem especialidade registrada.


Inês Gemilaki, mãe de Bruno, também está sendo procurada pela polícia e é descrita como uma pecuarista ativa em redes sociais, compartilhando postagens com teor político, familiar e religioso.

Siga o Instagram do Portal Minas SEGUIR

Em Destaque