Republicanos anuncia apoio e candidato de Zema a ALMG ganha votos expressivos para a disputa

Republicanos anuncia apoio e candidato de Zema a ALMG ganha votos expressivos para a disputa

O Republicanos anunciou nesta terça-feira (17) que vai integrar a base de governo de Romeu Zema na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). A bancada do partido também declarou que vai votar no candidato do Palácio Tiradentes à presidência da ALMG, Roberto Andrade. Com o apoio do Republicanos, o governo Zema conseguiu tirar dois votos de Tadeuzinho (MDB), principal adversário de Andrade neste momento.


Por outro lado, Tadeuzinho conseguiu virar o voto de Gustavo Santana (PL), que era aliado próximo de Zema. Gustavo também busca convencer os outros oito deputados do PL a fazerem o mesmo movimento. O pai dele, José Santana (PL), é o presidente estadual da sigla e também estaria empenhado em convencer os parlamentares da sigla.


A eleição para a presidência da ALMG ocorrerá no dia 1º de fevereiro, logo após a posse dos deputados. A Casa tem 77 deputados estaduais, mas Chiara Biondini (PP) só vai tomar posse no dia 22, data em que completa 21 anos, idade mínima para se tornar parlamentar.


A eleição para a presidência da ALMG é prioridade para o governo Zema, pois cabe ao presidente decidir quais projetos de lei são colocados em votação. Durante o primeiro mandato, o governo teve dificuldades no relacionamento com o atual presidente, Agostinho Patrus (PSD), que travou o andamento de diversas propostas do Palácio Tiradentes.


Além disso, o secretário de Governo, Igor Eto, projeta que a base de apoio ao governador terá cerca de 48 deputados, número necessário para aprovar mudanças na Constituição Estadual e aprovar privatizações de estatais como Cemig, Copasa e Codemig. Eto mantém conversas com o PSD (9 deputados) e com o PL (9) para tentar conseguir o apoio de pelo menos parte das bancadas desses partidos.