Professores da rede estadual decidem entrar em greve a partir da próxima semana em Minas


Professores da rede estadual decidem entrar em greve a partir da próxima semana em Minas

Os professores da rede estadual decidiram na tarde desta quarta-feira (7) por uma greve sanitária de uma semana, começando na próxima segunda (12) e seguindo até o próximo sábado (17).


A decisão foi tomada pelo Sind-UTE/MG após o Governo de Minas autorizar a volta as aulas na maioria dos municípios mineiros. A categoria é a única do estado que ainda não retornou às atividades presenciais desde o início da pandemia.


Os professores foram incluídos recentemente como grupo prioritário no Plano Nacional de Imunização e estão sendo vacinados. Apesar disto, a categoria acha arriscada essa volta às aulas presenciais, alegando falta de estrutura adequada nas escolas para o devido distanciamento social neste período de pandemia da covid-19. 


“A Greve Sanitária acontecerá entre os dias 12 e 17 de julho, mas a categoria continuará disponível para a prestação do trabalho remoto e espera que, nesse momento da pandemia, essa modalidade de ensino e aprendizagem não seja impedida pelo Governo de Minas”, diz a nota enviada pela instituição que representa os trabalhadores da educação.