Prefeitura de Angelândia usa perfil oficial para promover prefeito em ano de eleição


Prefeitura de Angelândia usa perfil oficial para promover prefeito em ano de eleição

A publicação conta com texto que caracterizam a promoção do atual gestor do municipio;


Em 2020, acontecem as eleições para prefeitos e vereadores em todo país e a corrida ao pleito começam a movimentar os bastidores em diversas cidades. Nas capitais e também interior em muitas prefeituras seus respectivos prefeitos também almejam a possibilidade de reeleição, mas para esses políticos vigoram regras claras e constitucionais que vedam o uso da máquina pública em benefício próprio.


Em Angelândia, no Vale do Jequitinhonha, a prefeitura utilizou seu canal oficial no facebook para realizar uma autopromoção ao prefeito municipal, Paulinho Pinheiro (PSDB), com o agravante de ser em ano eleitoral, por estar pavimentando uma rua no município, a ação de publicidade da prefeitura foi realizada hoje com a hashtag TBT, a gíria, simbolizada por #tbt, é utilizada pelos usuários de redes sociais como hashtag para marcar fotos que se refiram ao passado, no caso a publicação da prefeitura é relembrar uma postagem do mês de novembro e que foi repostado hoje (20/02), independente da data, a postagem é crime de acordo com a constituição federal e pode gerar consequências ao gestor municipal, principalmente em se tratar de ano eleitora.


O texto postado:


“Angelândia não para !!!!!
O prefeito Paulinho Pinheiro prometeu, e está cumprindo.
Confira como está andamento da obra de calçamento da rua Capelinha um sonho de toda população está se cumprindo!”


Para ver a publicação na pagina oficial clique aqui


A infração é punida expressamente pela Lei 8.429/92 da constituição Federal e consubstancia-se na suspensão dos direitos políticos e perda da função pública, além de indisponibilidade dos bens e ressarcimento ao erário, sem prejuízo da ação penal.


Nossa reportagem ligou para a prefeitura Municipal de Angelândia, mas não conseguimos falar com alguém responsável pelas publicações.