Padrasto que atacou enteados por racismo é preso no Paraná

Padrasto que atacou enteados por racismo é preso no Paraná
O crime aconteceu há quatro anos na região de Curitiba. Depois de 13 anos de convivência, o padrasto atacou os dois enteados. Um ficou ferido. O outro, atingido por um tiro à queima-roupa, não resistiu. Segundo a família, o homem não gostava dos rapazes porque eles eram negros. Para assistir ao conteúdo na íntegra, acesse PlayPlus.com

#CidadeAlerta #Padrasto #Racismo

Assista ao Vídeo

Participe da nossa enquete

Na sua opinião quem é o culpado pela dívida bilionária que quebrou o estado de Minas Gerais?
Resultados