Mulher descobre que menino sofria abuso ao enviar bilhete: 'Precisa de ajuda?'

Mulher descobre que menino sofria abuso ao enviar bilhete: 'Precisa de ajuda?'

O padrasto de um menino de 13 anos foi preso por abuso infantil após ser descoberto por uma funcionária de um restautante. A mãe do adolescente também é considerada suspeita de maus-tratos. O caso foi registrado na Flórida, nos Estados Unidos. O caso foi relatado pela BBC.


Tudo começou quando a funcionária de um restaurante Flaviane Carvalho notou que o menino, que estava com a família, estava sendo privado de se alimentar além de ficar isolado do restante dos familiares. 


Então, a funcionária se posicionou atrás dos pais dos meninos e mostrou um bilhete perguntando se o garoto estava bem. O menino respondeu que não, e então a funcionária apresentou outro bilhete perguntando se ele precisava de ajuda. 


O garoto disse que sim. Então, Flaviane deixou o local, contou o ocorrido para o chefe e ligou para a polícia. Os policiais foram até o local e, após questionarem a criança, prenderam o padrasto e a mãe do garoto.


As investigações apontaram que o garoto era mantido longe da família em um quarto de hotel usado como depósito e que foi privado de se alimentar. Além disso, o adolescente era submetido a exercícios militares e outros abusos.


Em uma ocasião, o menino chegou a ficar dependurado de cabeça para baixo, descobriram os investigadores.