Motociclista por aplicativo é morto e tem corpo carbonizado por suspeita de traição em Sabará, MG

Motociclista por aplicativo é morto e tem corpo carbonizado por suspeita de traição em Sabará, MG

Na noite de segunda-feira (12), um casal foi detido sob suspeita de participação na morte de Euller Santos da Cruz, motociclista por aplicativo de 24 anos. O corpo carbonizado foi encontrado em uma área de difícil acesso em Sabará, na Grande BH. A Polícia Militar revelou que Euller mantinha um relacionamento extraconjugal com a companheira do suspeito de 29 anos. Após descobrir a traição, o homem forçou a mulher a marcar um encontro com a vítima no local do crime.


O suspeito admitiu ter matado Euller com um tiro na boca, arrastado o corpo para uma mata de difícil acesso e ateado fogo. A arma utilizada foi jogada em um rio próximo. O irmão da vítima encontrou o corpo nesta segunda-feira (12), após localizar a motocicleta usada por Euller para trabalhar como motorista de aplicativo.


O homem foi preso por homicídio, enquanto a companheira por participação no crime. A perícia da Polícia Civil foi acionada para investigar o caso.

Siga o Instagram do Portal Minas SEGUIR