Mesmo preso, detento foragido de Mossoró recebeu auxílio emergencial durante a pandemia

Mesmo preso, detento foragido de Mossoró recebeu auxílio emergencial durante a pandemia

Deibson Cabral Nascimento, preso desde agosto de 2015 e foragido da Penitenciária Federal de Mossoró, foi contemplado com auxílio emergencial de R$ 600 em abril de 2020, conforme registrado no Portal da Transparência do governo federal. O detento, que responde a processos por assaltos, furtos, roubos, homicídios e latrocínio, estava custodiado no Complexo Penitenciário de Rio Branco (AC) quando recebeu o benefício.


Transferido para a unidade federal de Mossoró em julho de 2023 após participar de uma rebelião no presídio acreano, Deibson está sendo procurado desde a fuga da última quarta-feira (14). O ministro da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Lewandowski, viajará para Mossoró para acompanhar as investigações sobre a fuga.


Além do registro do recebimento do auxílio, duas investigações estão em curso: uma administrativa para apurar as responsabilidades da fuga e outra criminal, conduzida pela Polícia Federal, para investigar eventuais facilitadores. A dupla foragida é suspeita de fazer reféns em uma área rural próxima à penitenciária, levando celular e comida, conforme relato de uma vítima.

Siga o Instagram do Portal Minas SEGUIR