Idoso é amarrado e torturado durante assalto em São Pedro do Suaçuí, MG

Idoso é amarrado e torturado durante assalto em São Pedro do Suaçuí, MG

Um idoso de 62 anos foi amarrado e torturado psicologicamente durante um assalto a uma propriedade rural. O crime ocorreu, na noite da última sexta-feira (23), em São Pedro do Suaçuí, no Vale do Rio Doce.

De acordo com o boletim de ocorrência, o idoso foi abordado com violência, enquanto estava sentado em um banco perto da fazenda onde mora por três homens encapuzados, fortemente armados, com vestimentas de camuflagem e coletes balísticos.

O trio é conhecido por integrar uma organização criminosa especializada em assaltar imóveis rurais na região. Imagens de câmeras de vigilância de fazendas próximas registraram o bando circulando pela área dias antes do crime. Tais filmagens auxiliaram a polícia a reconhecer o grupo.

Os criminosos foram localizados e presos. Eles estavam escondidos em fazendas distintas na zona rural de São Pedro do Suaçuí.  Ainda conforme a ocorrência, após a abordagem no portão de casa, os homens mandaram o fazendeiro entrar no imóvel.

Na sequência, ele teve as mãos amarradas. Em seguida, um dos homens colocou uma arma na cabeça do idoso. A todo momento, o criminoso puxava o gatilho e falava para a vítima, em tom irônico, que o revólver estava 'mascando'. Minutos após a tortura psicológica, o assaltante disse para o fazendeiro que a arma não estava carregada, mas que ele iria colocar, naquele momento, munição no armamento, mas, antes, iria trancá-lo no banheiro.

A vítima permaneceu trancada no cômodo da própria casa por cerca de duas horas, tempo necessário para que os homens levassem do imóvel um carro, uma moto, quatro cães, diversos utensílios domésticos e eletrônicos, garrafas de bebidas destiladas, uma arma registrada, munições, quase R$ 2.000 mil em dinheiro, maquinários rurais e todos os itens de montaria e ferramentas da vítima. Pela janela do banheiro o idoso viu o momento que os criminosos fugiram. Nessa hora, o fazendeiro saiu do cômodo, conseguiu se soltar e pedir ajuda a vizinhos e familiares. 

Força-tarefa

Para conseguir chegar até os criminosos, a Polícia Militar contou com o auxílio de vizinhos do fazendeiro que disseram que viram, dias antes do assalto, alguns veículos rodando a fazenda. Câmeras de vigilância dessas fazendas ajudaram a polícia a reconhecer os criminosos, que integram uma organização criminosa especializada em assaltar propriedades rurais na região. Os bandidos estavam escondidos em fazendas distintas, na zona rural de São Pedro do Suaçuí. Eles foram presos e parte dos materiais roubados foram resgatados. 

Siga o Instagram do Portal Minas SEGUIR