Homem convidado para ceia de Natal é flagrado abusando da dona da casa e é preso em Uberlândia, MG

Homem convidado para ceia de Natal é flagrado abusando da dona da casa e é preso em Uberlândia, MG

Um homem de 38 anos foi convidado a passar a noite de Natal com os vizinhos e foi flagrado abusando da mulher do anfitrião, no quarto, enquanto ela dormia. O crime foi no bairro Morada Nova, em Uberlândia, na madrugada desta quarta-feira (25). O suspeito foi preso por importunação ofensiva ao pudor.


A Polícia Militar foi chamada e encontrou um cenário totalmente conturbado, segundo consta no boletim de ocorrência. O mais revoltado era o dono da casa, de 30 anos.


Ele contou aos PMs que depois da ceia de Natal percebeu que o vizinho havia sumido da casa dos fundos, onde acontecia a confraternização. O dono do imóvel conta que começou a procurar pelo suspeito e, ao entrar no quarto do casal, flagrou o homem deitado em sua cama, ao lado da mulher dele, de 40 anos.


De acordo com o marido da mulher, o vizinho acariciava as costas da mulher dele. Ao ser questionado, o vizinho pulou da cama, bastante assustado, já querendo justificar, segundo a PM, dizendo que não havia feito nada.


Ainda de acordo com o relatório da PM, o flagrante foi presenciado por outras pessoas que estavam na casa.


A mulher disse que estava dormindo, que somente percebeu o que estava acontecendo quando o marido dela começou a chamar a atenção do vizinho. Ela disse que nunca teria dado “esse tipo de liberdade” ao suspeito, que nunca esperava essa atitude dele.


Depois do flagrante, o suspeito ficou bastante alterado, segundo a PM, e, em um momento de fúria, começou a quebrar portas e janelas da casa, além de vários móveis. Inclusive, segundo a PM, o vizinho trancou todos dentro do imóvel.


Mesmo com a presença dos militares, o homem continuou alterado, dizendo que não tinha medo de polícia, que não gostava de polícia. Disse, ainda, que já tinha sido preso por quatro vezes na Bahia, e que não se importava em ser preso novamente.


“A todo momento, ele ameaçava de morte o dono da casa, dizendo que iria cortar a cabeça dele, por ele ter chamado a polícia para ele. Disse que o dono da casa era um cagueta (pessoa que entrega outra), e que cagueta morre”, diz o relatório da PM.


O suspeito, que mora no mesmo terreno, ainda foi à residência dele e voltou armado com uma faca de 15 centímetros de lâmina.


O homem foi em direção ao marido da mulher, mas os PMs deram ordem para ele largar a faca, dando voz de prisão. O suspeito jogou a faca no chão e foi preso, sem reagir.


O agressor foi encaminhado a uma unidade de atendimento médico. Como ele não apresentava lesões, foi liberado e encaminhado a uma delegacia da Polícia Civil. A faca foi apreendida.


 

Participe da nossa enquete

Na sua opinião quem é o culpado pela dívida bilionária que quebrou o estado de Minas Gerais?
Resultados