Governo de Minas faz acordo inédito e anuncia R$ 227,5 milhões para hospital e estradas


Governo de Minas faz acordo inédito e anuncia R$ 227,5 milhões para hospital e estradas

Com as obras paradas desde o governo Anastasia, o Hospital Regional de Governador Valadares deverá ter as obras reiniciadas em breve


A Fundação Renova anunciou, nesta segunda-feira (25), repasse de R$ 227,5 milhões para o governo de Minas Gerais como parte da compensação pelo rompimento da barragem de Mariana que ocorreu em 5 de novembro de 2015.


Parte do dinheiro será usado na finalização do Hospital Regional de Governador Valadares, na região do Rio Doce. Conforme o governador Romeu Zema (Novo) já havia anunciado no fim de abril, o hospital também vai receber um valor de outro repasse da Vale. Com o novo montante anunciado pela Renova, de R$ 75,3 milhões, a previsão é que sejam disponibilizados 265 leitos no hospital — 50 de UTI — e nove salas de cirurgia.




Governador Zema já havia anunciado as obras do hospital de GV em abril passado por videoconferência


Outra parte dos R$ 227,5 milhões repassados pela empresa vai ser destinada a rodovias mineiras: R$ 12 milhões para melhorias na MG-900, que leva ao Parque Estadual do Rio Doce, e R$ 128 milhões para a pavimentação da MG-760, que conecta a região do Rio Doce à Zona da Mata.


Mais um investimento em Minas vai ser um repasse de R$ 12,2 milhões para o município de Rio Doce trabalhar na implantação do Distrito Industrial do Rio Doce, complexo de indústrias que deve ser implantado em uma área de 5.500 m² na cidade.


Nenhuma das obras têm prazo para começar ou terminar, mas a Fundação Renova argumenta que está na fase final de negociação com o governador de Minas Romeu Zema para definir os detalhes.


 A previsão é que cerca de 35 mil empregos sejam gerados com a aplicação destes recursos.