Exame para febre amarela dá positivo em macaco morto em Coronel Murta, MG

Exame para febre amarela dá positivo em macaco morto em Coronel Murta, MG

O animal foi encontrado agonizando, por um morador da região. – Foto Dinda


A secretaria municipal de Saúde de Coronel Murta (MG), confirmou  que o exame de um dos macacos encontrados mortos na fazenda Capão, naquele município, deu positivo para febre amarela. O exame nas vísceras do animal, encontrado agonizando por um morador da região, foi o realizado pelo Laboratório de Flavivírus do Instituto Osvaldo Cruz em Manguinhos, no Rio de Janeiro


 Esse é o primeiro caso confirmado de morte de macaco por febre amarela no Vale do Jequitinhonha.


A Secretária municipal de Saúde, Darlane Kenia, disse que mesmo o exame do macaco dando positivo, não há motivo de preocupação, pois cerca de 90% dos moradores de Coronel Murta já estão vacinados.


A campanha, segundo ela,  foi providenciada antes do resultado e ainda tem vacina disponível na Unidade de Saúde Carlito Murta. As pessoas que ainda não tomara a vacina podem procurar na Unidade de Saúde e se imunizarem.


A secretária disse ainda, que não existe nenhum caso de suspeita de Febre Amarela no Município. 


Desde o ano de 1942, ou seja, há 75 anos, não há notificação de Febre Amarela Urbana no Brasil. Assim sendo, é importante enfatizar que os macacos não são transmissores da doença. Na verdade, eles são sinalizadores de atenção à Febre Amarela.


Fonte: Gazeta de Araçuai

Siga o Instagram do Portal Minas SEGUIR

Em Destaque