Evasão e sonegação com pedras preciosas

Evasão e sonegação com pedras preciosas
Nova fase da Lava Jato prende família de joalheiros na Bahia e no Rio de Janeiro. Na nova etapa, o Ministério Público apura esquema de evasão de divisas, sonegação fiscal envolvendo pedras preciosas e semipreciosas. Esquema investigado teria movimentado cerca de 185 milhões de reais.

Assista ao Vídeo

Participe da nossa enquete

Na sua opinião quem é o culpado pela dívida bilionária que quebrou o estado de Minas Gerais?
Resultados