Em Minas Gerais projeto vai auxiliar trabalhadores a encontrar uma vaga no mercado de trabalho após a pandemia


Em Minas Gerais projeto vai auxiliar trabalhadores a encontrar uma vaga no mercado de trabalho após a pandemia

Analistas afirmam que a pandemia do coronavírus deverá afetar diretamente a atividade econômica do Brasil e aumentar consideravelmente o desemprego. Minas Gerais, que estava registrando aumento considerável dos índices de emprego desde o ano passado, poderá deixar após a crise um rastro de 6 milhões de pessoas desempregadas, segundo as estimativas.


Para ajudar trabalhadores a terem uma oportunidade no mercado de trabalho após a pandemia, o Portal Minas está lançando o projeto EMPREGA MINAS, cuja ideia inicial será catalogar e divulgar gratuitamente em uma plataforma própria, currículos de profissionais residentes no estado de Minas Gerais.


Segundo o idealizador e parceiro no projeto, Rogério Anício, o Emprega Minas vai atuar em duas frentes. A primeira será para beneficiar o trabalhador, ao ajudar a dar empregabilidade com a divulgação gratuita de currículos. Na outra apoiar as pequenas, médias e grandes empresas na busca por profissionais que irão ajudar no reestabelecimento dos seus negócios após a pandemia do COVID-19.




Rogério espera que o projeto alcance milhares de mineiros que buscam uma colocação no mercado de trabalho após a pandemia.


"Queremos que este projeto alcance não só trabalhadores que moram nas grandes cidades mas também nos pequenos municípios mineiros do interior onde a oferta de empregos não encontra a mesma publicidade que nos grandes centros", afirmou Rogério.


Veja como o trabalhador pode participar:


O sistema será bem simples e prático e o empregador para ter acessar o currículo do profissional não vai precisar de nenhum tipo de cadastro ou senha.


O programa será lançado oficialmente na próxima terça-feira (5) mas o profissional já pode enviar online o seu currículo para que possa ser inserido no nosso banco de dados. O currículo deve ser enviado obrigatoriamente no formato PDF através do nosso formulário.


Após enviado, o currículo será catalogado e classificados por profissão, distribuídos nas 46 microrregiões de Minas e suas respectivas cidades. 



Segunda Fase


A segunda fase do EMPREGA MINAS deve começar tão logo aconteça a retomada da atividade econômica prevista para ocorrer após a crise do coronavírus. Nesta etapa o programa irá fazer a divulgação e intermediação dos currículos cadastrados junto aos SINEs municipais e às empresas que anunciam as suas vagas gratuitamente no Portal Minas.


O projeto vai buscar também uma parceria com o Governo do Estado através da SEDESE - Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social na divulgação dos profissionais cadastrados.


Vagas abertas no SINE-MG


Neste 1º de maio, quando se comemora o Dia Internacional do Trabalhador, as 132 unidades do Sistema Nacional de Emprego em Minas (Sine), coordenadas pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), têm 1,7 mil vagas de emprego abertas em todo o estado. Os destaques são para os segmentos de serviços e da construção civil e os salários variam de R$ 1.091 a R$ 6 mil.


Confira aqui.


LIVE de lançamento do Emprega Minas


Na próxima terça-feira (5) será feita uma LIVE através das redes sociais do Portal Minas onde será apresentado o projeto e como se dará o seu funcionamento. Serão apresentadas também notícias relacionadas ao mercado de trabalho, dicas e a divulgação de oportunidades emprego em Minas Gerais.


A ideia é que a LIVE acabe se tornando um programa semanal do site Portal Minas nas redes sociais.


A live poderá ser acompanhada através das seguintes páginas:


https://www.facebook.com/noticiasminas/


https://www.facebook.com/rogerionaweb/