Em audiência com Zema, Usiminas anuncia plano de investimento de R$ 3,6 bilhões e geração de milhares de empregos

Em audiência com Zema, Usiminas anuncia plano de investimento de R$ 3,6 bilhões e geração de milhares de empregos

Nesta quarta-feira (18/1), o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, recebeu na Cidade Administrativa, o diretor-presidente da Usinas Siderúrgicas de Minas Gerais (Usiminas), Alberto Akikazu Ono e o diretor Corporativo de Sustentabilidade e Relações Institucionais, André Chaves, para apresentação do plano de investimento da empresa no estado.


De acordo com Ono, a Usiminas planeja investir R$ 3,6 bilhões entre 2023 e 2026 em Minas Gerais. Desse montante, R$ 2,7 bilhões serão destinados à reforma do Alto-Forno 3, que foi iniciada em 2019 e trará melhorias operacionais e benefícios ambientais para o equipamento que está em operação há 23 anos. A reforma do alto-forno deve gerar cerca de 8 mil empregos temporários.


Além disso, serão investidos R$ 893 milhões em reformas nas aciarias, e R$ 1,1 bilhão na recuperação e reformas das Coquerias 2 e 3.


Governador Zema comemorou o plano de investimentos da Usiminas e reafirmou a importância da companhia não só para a Região Metropolitana do Vale do Aço, mas para todo o estado de Minas Gerais. Ele destacou que investimentos dessa grandeza geram oportunidades para uma grande cadeia de fornecedores, tanto locais quanto estaduais.


Em 2021, o Grupo Usiminas gerou R$ 499 milhões de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) e, em 2022, até novembro, o valor foi de R$ 577 milhões. Dos 15 mil funcionários do grupo, 12 mil estão em Minas Gerais.