Cruzeiro consegue bloquear R$ 6,8 milhões nas contas de Wagner Pires e Itair Machado


Cruzeiro consegue bloquear R$ 6,8 milhões nas contas de Wagner Pires e Itair Machado

O Cruzeiro conseguiu na Justiça o bloqueio de R$ 6.861.243,06 nas contas do ex-presidente Wagner Pires de Sá e do ex-vice-presidente de futebol Itair Machado. A decisão, da 14ª Câmara Cível de Belo Horizonte, foi divulgada pelo jornal Hoje em Dia e pela rádio Itatiaia.


“Assim, defiro o pedido de concessão de efeito ativo ao presente recurso, para deferir a cautelar de arresto vindicada, no limite de R$ 6.861.243,06 (seis milhões oitocentos e sessenta e um mil, duzentos e quarenta e três reais e seis centavos) em desfavor de todos os agravados”, informou.


No início de julho, o Cruzeiro acionou Wagner e Itair na Justiça pedindo o bloqueio de R$ 6.861.243,06 milhões a título de indenização. A ação de ressarcimento, com mais de 230 páginas, foi distribuída na 35ª Vara Cível da Comarca de Belo Horizonte.


Conforme a ação, o valor pedido foi repassado à empresa Futgestão Assessoria Esportiva LTDA, que é de propriedade de Itair. De acordo com a ação, entre fevereiro de 2018 e outubro de 2019, foram pagos R$ 4.928.947,00 à empresa a título de prestação de serviços. Além disso, foi repassado R$ 1.932.295,44 à Futgestão em premiações.


Por meio de live no dia 10 de julho, o presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, falou sobre o assunto. "Vamos correr atrás de tudo que for possível, seremos implacáveis contra quem fez isso contra o Cruzeiro. Já ajuizamos ação contra um outro ex-dirigente, com pedido de bloqueio dos bens e confiamos no trabalho da Polícia Civil e do Ministério Público. O sonho de todos é ver essas pessoas pagando criminalmente pelo que fizeram com o clube. Não vamos abrir mão de nada. E nós também vamos trabalhar para que os conselheiros que tiverem praticado irregularidades sejam expulsos", disse.



2020-8-13 08:31 pm Esportes 2139 0 0