Corpo de Pablo, vítima de incêndio no alojamento do Flamengo, é liberado e será enterrado em Oliveira


Corpo de Pablo, vítima de incêndio no alojamento do Flamengo, é liberado e será enterrado em Oliveira

O corpo de Pablo Henrique da Silva Matos está sendo transportado de carro do Rio de Janeiro para Oliveira, no Centro-Oeste de Minas, onde a família aguarda para o velório, que tem início previsto para às 14h deste sábado (9), no Cemitério Municipal São Miguel.


Conforme informado pela família, a previsão é que o enterro do garoto, uma das vítimas do incêndio que atingiu o alojamento do Centro de Treinamentos Ninho do Urubu, no Rio de Janeiro, na manhã de sexta (8), ocorra por volta das 18h deste sábado. O corpo havia sido liberado do Instituto Médico Legal (IML) no Rio de Janeiro, por volta das 1h50. Contudo, a família informou que só iniciou o transporte para Minas Gerais após registrar a certidão de óbito em cartório, procedimento realizado durante esta manhã.


A família do atleta permanece reunida em Oliveira. De acordo com a família dele, Werley, zagueiro do Vasco e primo de Pablo, foi quem acompanhou os trâmites para reconhecimento e liberação do corpo. Pablo, de apenas 14 anos, era natural de Oliveira, no Centro-Oeste de Minas, e atuava pelo sub-15 do Flamengo desde 2018.


Segundo um ex-técnico, o adolescente teve passagens pelo Atlético-MG e pela Inter Academy, programa oficial da Inter de Milão, em Divinópolis. A mãe de Werley, e tia de Pablo, falou à uma equipe da TV Integração na tarde desta sexta-feira (8) sobre a situação, enquanto a família ainda aguardava informações sobre a liberação do corpo. "Era um menino que transmitia uma paz...era muito tranquilo, muito bom. A cidade inteira conhecia...ótimo menino, nossa. Família inteira amava ele. Era um anjo que a gente tinha na nossa família e a gente não sabia. O sonho dele era ser jogador, dar tudo do bom e do melhor pra mãe, dar uma vida melhor pra mãe, pro pai. Era o sonho de todas as crianças, igual todos os amigos dele também", contou.


Em uma rede social, a Prefeitura de Oliveira decretou luto oficial de três dias pela morte do zagueiro.


Tragédia


O incêndio atingiu o alojamento no Ninho do Urubu, na Zona Oeste do Rio, no início da manhã desta sexta-feira. Jovens atletas do Flamengo estão entre os dez mortos. As chamas atingiram as instalações onde dormiam jogadores entre 14 e 17 anos que não residiam no Rio. Às 9h50, a polícia chegou ao Ninho do Urubu para fazer a perícia. Um inquérito foi instaurado na 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes) para apurar as causas do desastre.


O governador Wilson Witzel decretou luto oficial de três dias por causa do incidente.