Com investimento de R$ 6 milhões, usina de biogás produz energia a partir do lixo, em Santana do Paraíso


Com investimento de R$ 6 milhões, usina de biogás produz energia a partir do lixo, em Santana do Paraíso

Em Santana do Paraíso, no Vale do Aço, foi inaugurada uma usina de biogás que gera energia extraída do lixo. A ENC Energy Brasil foi responsável pela instalação da usina, que teve um investimento de R$ 6 milhões e gerará 1MW de energia. A usina está localizada no aterro sanitário CTR Vale do Aço.


A empresa responsável, ENC disse que o biogás produzido pela decomposição de resíduos orgânicos produz energia. O biogás é uma mistura de gás metano e dióxido de carbono, que é produzido pela decomposição de resíduos orgânicos na ausência de oxigênio. Segundo a empresa, o processo de conversão do gás em energia também reduz o cheiro do metano próximo.


[+] VEJA TAMBÉM: Esquenta a campanha eleitoral em Santana do Paraíso


Além desses benefícios, a combustão e a geração de energia do biogás também geram créditos de carbono, que podem ser vendidos para empresas comprometidas com a proteção ambiental e interessadas em reduzir suas emissões de carbono. A ENC informou que “Transformar esse gás em energia é um grande benefício para o meio ambiente, pois o metano causa um impacto 25 vezes maior no aquecimento global do que o gás carbônico queimado no processo de geração de energia elétrica”.


A usina já está em operação e sua gestão comercial será feita por Órigo, parceiro da ENC Energia em outros projetos, e terá como foco o atendimento aos pequenos consumidores da base da pirâmide social. Igor Urasaki, Diretor Comercial da ENC Energy Brasil, diz que “Já estamos investindo no mercado de Geração Distribuída em todo o país, e agora é uma satisfação iniciar a operação em Minas Gerais, ajudando os consumidores a terem acesso à uma energia limpa”.


A experiência da ENC Energy nesta modalidade de geração de energia mostra que o Brasil tem grande potencial para expandir a tecnologia do biogás. A Diretora Financeira da Companhia, Carla Bernardes, ressalta que “As fontes renováveis já são uma fatia importante da matriz energética brasileira. A tendência é que isso cresça, pois a forma como o lixo é armazenado no Brasil permite que o biogás seja amplamente explorado. Ou seja, além dos benefícios ambientais, o impacto social positivo que essa cadeia gera é enorme”.


2020-9-30 09:09 pm Minas Gerais 1323 0 0