Brasileiro Sequestrado no Equador é Libertado após Onda de Ataques Narcotraficantes

Brasileiro Sequestrado no Equador é Libertado após Onda de Ataques Narcotraficantes

Thiago Allan Freitas, de 38 anos, brasileiro sequestrado no Equador durante a onda de ataques promovidos por facções de narcotraficantes, foi libertado com vida pelos criminosos. Ele passou mais de 24 horas em cárcere privado após ser capturado por sequestradores em Guayaquil, onde possui um restaurante de churrasco brasileiro, a La Brasa.


O governo equatoriano declarou estado de exceção e reconheceu um conflito armado interno, mobilizando as Forças Armadas devido à série de ataques. A Embaixada do Brasil em Quito foi informada do resgate.


Os sequestradores inicialmente exigiram US$ 8 mil dólares, mas acabaram aceitando um resgate de US$ 3 mil, parte dos quais a família pagou com recursos próprios. Os filhos de Thiago agradeceram pelo apoio nas redes sociais após sua libertação.


Representantes do governo brasileiro foram informados sobre a libertação, e a família expressou gratidão pela solidariedade recebida. Eric Lorran Vieira, irmão de Thiago, gravou um vídeo relatando a libertação e agradecendo a todos que contribuíram para o desfecho positivo da situação.

Siga o Instagram do Portal Minas Seguir