Berinjela: santo remédio que emagrece e diminui o colesterol


Berinjela: santo remédio que emagrece e diminui o colesterol

A lista de efeitos benéficos da berinjela para a saúde é extensa: rica em água e em potentes antioxidantes, ela atua no organismo prevenindo doenças do coração e diminuindo o colesterol, o que evita a aterosclerose.


Além de prevenir doenças cardíacas graças à antocianina (um antioxidante que está presente na sua casca, roxa), o legume é fonte de ácido fólico, vitamina que estimula a produção de células do sangue, protegendo contra problemas como anemia.


A berinjela é, também, uma queridinha de quem está em processo de perda de peso. Isso porque tem poucas calorias e pode ser usada em diversas receitas, como pizzas, lasanhas, saladas e refogados. Ou seja, é uma mão na roda em dietas de emagrecimento.


Para manter suas propriedades, o ideal é que a berinjela seja consumida grelhada, assada ou cozida. Para remover um pouco do sabor amaro, pode-se colocar sal nas rodelas, deixando-o agir por 20 ou 30 minutos. Após esse tempo, deve-se lavar e secar as fatias, levando-as para cozinhar ou fritar logo depois do processo.


Mas cuidado: quando consumido em excesso – normalmente, mais de três berinjelas por dia –, o legume pode causar efeitos colaterais, como enxaqueca, diarreia, desconforto e dores abdominais.


A famosa água de berinjela para emagrecer, amplamente difundida pela internet, deve ser consumida com pé no chão. Isso porque, de acordo com o guia Desmistificando Dúvidas sobre Alimentação e Nutrição, do Ministério da Saúde, ainda “não é possível identificar a quantidade de berinjela necessária para efeitos benéficos em humanos”, no caso da berinjela em forma de extrato, desidratada, suco ou chá. (Com informações do portal Tua Saúde)