'A gente está tendo um pesadelo', diz tia de criança machucada em escola de Brumadinho

'A gente está tendo um pesadelo', diz tia de criança machucada em escola de Brumadinho

Familiares da criança de três anos que apareceu com um corte na cabeça e vários hematomas pelo corpo espera Justiça. O menino, que tem necessidade especial, foi encontrado machucado na terça-feira (3) por funcionários da EMEI Parque das Cachoeiras, em Brumadinho, região Central do Estado.  


A Polícia Civil aguarda o resultado dos laudos periciais que vai contribuir com as investigações. De acordo com familiares da criança, a direção da EMEI informou que o menino foi agredido por outra criança, enquanto dormia. Essa versão, no entanto, não convenceu e eles resolveram acionar a polícia. 


A tia da criança, que não será identificada, conversou afirma que todos estão abalados com a situação. "A impressão que a gente tem hoje é que parece que a gente está dormindo. A gente está tendo um pesadelo. Que a Justiça seja feita e que o meu sobrinho não seja mais um que vai ficar impune, porque foi muita crueldade o que fizeram com o meu sobrinho", diz a tia, que acrescenta que a criança mudou o comportamento após aparecer machucado. 


"Ver o meu sobrinho assustado, sabe? Por mais que ele seja uma criança PNE, ele é ativo e uma criança que dá risadas, que tem aquele contato de abraçar. A gente fica muito assustado porque de início a escola deu uma informação pra gente que foi um tombo da própria altura. Logo em seguida falaram que foi um coleguinha", relata a tia. 


Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Educação de Brumadinho informa que lamenta profundamente o incidente na EMEI Parque da Cachoeira. Ainda de acordo com a Secretaria, não faz parte do procedimento deixar um aluno desacompanhado e que o fato é um episódio. Os profissionais serão advertidos administrativamente. 


De acordo com a direção da escola "o educador precisou se ausentar da sala de aula para acompanhar outra criança ao banheiro. Neste momento, o menino de três anos que estaria dormindo teria sido agredido por um coleguinha". Ainda segundo a nota, a criança foi socorrida imediatamente e levada a um posto de saúde que fica ao lado da EMEI, sendo encaminhado para a UPA local. 


2022-5-5 03:03 pm Cidades 1153 0 0