Conheça os 28 deputados mineiros que aprovaram o fundo eleitoral de R$ 2 bilhões para fazer campanha em 2018

Conheça os 28 deputados mineiros que aprovaram o fundo eleitoral de R$ 2 bilhões para fazer campanha em 2018

Em uma votação vergonhosa, realizada após uma manobra regimental que não era utilizada há 18 anos e com votação nominal após uma tentativa de manobra para votação simbólica, a Câmara dos Deputados aprovou hoje (04) o novo fundo eleitoral de R$ 2 bilhões de reais tirados dos pagadores de impostos brasileiros.


O projeto retira recursos da saúde e da educação para destiná-los às campanhas políticas, distribuindo-os segundo o texto do Projeto de Lei n° 8612/17, também aprovado hoje: 2% são divididos igualitariamente entre todos os partidos registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE); 35% na proporção de votos obtidos pelos partidos que tenham eleito pelo menos um deputado federal na eleição de 2014; 48% de acordo com o número de deputados federais considerando a legenda dos titulares; e 15% segundo o número de senadores considerando a legenda dos titulares. Os maiores privilegiados pelo novo fundo serão o PMDB, PT e PSDB.


Saiba quem são os deputados federais de Minas Gerais que votaram a favor da criação deste fundo:



  1. Luiz Tibé - AVANTE

  2. Carlos Melles - DEMOCRATAS

  3. Jô Moraes - PCdoB

  4. Mário Heringer - PDT

  5. Leonardo Quintão - PMDB

  6. Mauro Lopes - PMDB

  7. Saraiva Felipe - PMDB

  8. Ademir Camilo - PODEMOS

  9. Dimas Fabiano - PP

  10. Pastor Franklin - PP

  11. Luis Fernando Faria - PP

  12. Renato Andrade - PP

  13. Aelton Freitas - PR

  14. Delegado Edson Moreira - PR

  15. Diego Andrade - PSD

  16. Marcos Montes - PSD

  17. Raquel Muniz - PSD

  18. Marcus Pestana - PSDB

  19. Paulo Abi-Ackel - PSDB

  20. Rodrigo de Castro - PSDB

  21. Adelmo Carneiro Leão - PT

  22. Gabriel Guimarães - PT

  23. Leonardo Monteiro - PT

  24. Margarida Salomão - PT

  25. Padre João - PT

  26. Patrus Ananias - PT

  27. Reginaldo Lopes - PT

  28. Zé Silva - SOLIDARIEDADE


 


Curta a página do Portal Minas no Facebook