Bebê de 8 meses está entre os 7 mortos em acidente com ônibus que saiu de Itabuna e tombou em MG

Bebê de 8 meses está entre os 7 mortos em acidente com ônibus que saiu de Itabuna e tombou em MG

Acidente com ônibus deixa sete mortos em Minas Gerais


Um bebê de oito meses, identificado como Weslei Silva Ribeiro, que morava em Camacan, no sul da Bahia, é um dos sete mortos no acidente com o ônibus que saiu de Itabuna, também no sul do estado, e tombou na cidade de Brumadinho, Minas Gerais, no último domingo (12). O ônibus tinha a cidade de São Paulo como destino.


A mãe do bebê, Ketiele Silva Santos, permanece internada em estado grave no Hospital João XXIII, em Belo Horizonte. O corpo de Weslei já foi liberado e será sepultado em São Paulo, cidade onde o pai do bebê mora.


Outros três baianos que morreram no acidente foram identificados. Vantinei Ferreira Souza, de 43 anos, era de Itabuna. O corpo dele já foi liberado e será velado na manhã de terça-feira (13), na quadra do Colégio Ciso, Em Itabuna.


Outra vítima foi Gleice Elma dos Santos, de 36 anos, que morava em Ilhéus. O corpo dela já foi liberado, e o velório está previsto para as 12h de terça. Não há informações sobre o local. A quarta vítima baiana identificada é Leandro Rodrigues Santana, de 33 anos, que morava em Camacan. O corpo de Leandro ainda não foi liberado.


A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) informou nesta segunda-feira (13) que o ônibus que sofreu acidente em Brumadinho, na Grande BH, não tem autorização para fazer a viagem. O veículo saiu de Itabuna (BA) e seguia para São Paulo


O ônibus tombou na Rodovia Fernão Dias na manhã deste domingo (12), no sentido São Paulo. A principal suspeita da polícia é que o ônibus tenha perdido os freios.


Seis pessoas foram atendidas no Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, na capital mineira. Um dos feridos já recebeu alta e um está em estado grave. Duas pessoas estão internadas no Hospital Regional de Betim.


Por telefone, uma funcionária da empresa RC Turismo, dona do ônibus, disse que a documentação do veículo está em dia.


A ANTT disse que os fiscais estão acompanhando, junto à Polícia Rodoviária Federal (PRF), os desdobramentos do acidente e tomando as medidas cabíveis.


Curta a página do Portal Minas no Facebook